CONHEÇA A GAZETA EXPEDIENTE CONTATO ANUNCIE BUSCA

atrações aviação bahia especiais eventos geral internacionais nacionais pessoas portugal salvador viagens
imprimir

Pernambuco lança a linha de ônibus Recife-Olinda

As Secretarias de Turismo de Pernambuco, do Recife e de Olinda firmaram o Termo de Compromisso para Assinatura do Convênio da Linha de Turismo Recife-Olinda Tour. Pelo documento, os três órgãos se responsabilizam pela implantação e fiscalização da linha turística que percorrerá os principais atrativos turísticos das duas cidades. O passo seguinte será a realização de um "chamamento público" (ler intertítulo abaixo), que avaliará a melhor proposta da linha de turismo a ser implantada em abril de 2014. A Recife-Olinda Tour funcionará todos os dias da semana, percorrendo um trajeto de 43,8 km em duas horas e meia, saindo a cada 30 minutos do Parque Dona Lindu, na capital pernambucana, até a Igreja do Carmo, no sítio histórico de Olinda. Ao todo, serão 24 paradas exclusivas para a linha de turismo a fim de dar maior fluidez ao trânsito e comodidade aos passageiros, que poderão embarcar e desembarcar quantas vezes quiserem ao longo do dia. As paradas estarão integradas às ciclofaixas e às futuras estações do projeto de navegabilidade do Rio Capibaribe. O serviço será oferecido por seis ônibus double deck com capota retrátil, plataforma de acessibilidade para cadeirante e compartimento para bicicletas. O andar inferior será climatizado, oferecerá assentos para gestantes, obesos e idosos e terá capacidade para 17 passageiros enquanto o andar superior comportará 57 pessoas. Além do sistema de áudio em português, inglês e espanhol, os passageiros contarão com um guia trilíngue em cada ônibus e uma audiodescrição, destinada às pessoas cegas ou com baixa visão. Os bilhetes custarão em média R$ 45,00, poderão ser usados em um único dia e serão vendidos pela internet, nos hotéis, shoppings, Aeroporto do Recife, Terminal Integrado de Passageiros (TIP), Terminal Marítimo de Passageiros, agências de viagens, no próprio ônibus e em quiosques a serem criados especificamente para este fim. A Linha de Turismo Recife-Olinda Tour é o resultado de um trabalho de dois anos de pesquisa que englobaram estudos de viabilidade técnica-financeira, consultas às companhias de tráfego das duas cidades e concessionárias de energia e telefonia, além de visitas técnicas. "Após conhecermos as experiências no Brasil e no exterior, fizemos uma pesquisa com turistas e moradores do Recife e de Olinda para aferirmos o grau de interesse deste serviço. Mais de 88% dos entrevistados demonstraram favoráveis à linha de turismo", explica o secretário de Turismo de Pernambuco, Alberto Feitosa. "Esta mesma pesquisa apontou os atrativos turísticos mais procurados e a partir dela fizemos o roteiro", acrescenta Feitosa. O secretário de Turismo do Recife, Felipe Carreras, fala da importância da Recife-Olinda Tour: "A linha turística já é bastante utilizada em grandes centros urbanos, como Paris, Londres e Nova York. Por permitir que o turista possa subir e descer do ônibus por diversas vezes durante o dia, isso facilita o passeio e o turista ainda recebe informações históricas sobre a cidade e seus pontos". O secretário de Turismo, Desenvolvimento Econômico e Tecnologia de Olinda, Maurício Galvão, também comemora a o projeto da linha de turismo: “O grande benefício é a integração entre os principais atrativos turísticos das cidades de Olinda e Recife, facilitando o deslocamento dos turistas”. CHAMAMENTO PÚBLICO: é um instrumento de prospecção de mercado a partir do qual as empresas apresentam suas propostas de acordo com as exigências estabelecidas no regulamento. No caso da Linha do Turismo Recife-Olinda Tour, as empresas precisam atender às especificações técnicas do ônibus e de seus equipamentos e comprovar experiência na prestação do serviço. Até o final deste ano será divulgado em veículos de grande circulação o regulamento do certame. A previsão é que em meados de fevereiro de 2014 seja divulgado o vencedor após avaliação das propostas. A autorização para exploração da linha será até 2016, podendo ser renovável por mais quatro anos. Uma Comissão Mista, formada por dois representantes da Setur-PE, Setur Recife e Setur Olinda, será responsável pelo chamamento público e fiscalização do serviço.

 

- Voltar -
 

 

18/02/2015 ATRACOES